14 de julho de 2017

Carreta da Saúde combate mais uma vez a hanseníase em Timon

IMG-20170714-WA0007

A cidade de Timon receberá mais uma vez, nos dias 17 e 18, o centro de saúde móvel, mais conhecido como Carreta da Saúde. O veículo percorre vários lugares com o objetivo de colocar um ponto final na Hanseníase, uma doença infecciosa, também conhecida como lepra, que continua afetando 210 mil pessoas por ano.

O projeto Carreta da Saúde é desenvolvido em parceria com o Ministério da Saúde, Secretarias Estaduais de Saúde e Municipais, com a participação também do Conselho Nacional de Secretarias de Saúde (CONASS) e do Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (CONASEMS). Em Timon, o atendimento começará a partir das 8h ofertando serviços como consultas dermatológicas, avaliação de manchas, realização de baciloscopia, teste rápido sífilis e hepatites, aferição de pressão arterial e glicemia, além de atualização de vacinas.

Ainda durante as visitas, as comunidades são educadas sobre métodos de prevenção, controle e sobre a importância do cumprimento das orientações de tratamento. As pessoas diagnosticadas com a doença recebem um tratamento completo, bem como as prescrições médicas para receber os medicamentos durante os meses seguintes. Estima-se que a Carreta de Saúde diagnostica 25% dos casos de hanseníase registrados no Brasil a cada ano, fornecendo assim uma cooperação única com os organismos nacionais de saúde pública no que se refere à eliminação desta doença.

“Esse projeto é muito importante pois os pacientes que têm os seus testes confirmados tem o tratamento iniciado ainda no veículo, com a aplicação da primeira dose supervisionada por profissionais de saúde e já saem da carreta de atendimento com a medicação. Após isso, o tratamento continua com os profissionais da Estratégia Saúde da Família”, detalhou o secretário municipal de Saúde, Marcio Sá.