14 de junho de 2017

Timon sedia mais uma edição da Semana do Bebê

semana do bebê 2017

Com o tema “Nascer com amor, uma questão de Saúde”, a Prefeitura Municipal de Timon, por meio da Estratégia Saúde da Família, dará início na próxima segunda (19) a mais uma edição da Semana do Bebê. A abertura oficial será na academia de Saúde do Conjunto Boa Vista, a partir das 8h.

 

Com atividades voltadas para crianças, gestantes, familiares e comunidade em geral, o evento compreende uma série de ações em favor da primeira infância, com o propósito de fortalecer vínculos e prevenir ocorrência de situações de exclusão social e de risco.

Na programação, temas sobre humanização do parto e plano municipal da primeira infância, contemplando ações sociais em educação e saúde. Desta forma, serão trabalhadas no município palestras sobre humanização do parto, aleitamento materno, direito das crianças, dentre outros. Haverá ainda consultas médicas, orientações sobre teste do pezinho, olhinho e orelhinha, ginástica laboral, orientação nutricional para gestantes, apresentações artísticas, brincadeiras lúdicas para crianças, pintura de rosto, atualização do cartão de vacina da mamãe e do bebê, entre outras ações que serão finalizadas no dia 23.

 

“A Semana do Bebê é uma ação que, desde a sua primeira edição, tem trazido resultados positivos para o município. O nosso propósito é fortalecer ainda mais esse trabalho voltado para a primeira infância, uma vez que esta é, sem dúvida, a fase mais importante para a formação dos cidadãos”, disse Márcio Sá, gestor da Secretaria Municipal de Saúde.

 

O evento

 

A Semana do Bebê é uma estratégia de mobilização social apoiada pelo UNICEF e tem como objetivo tornar o direito à sobrevivência e ao desenvolvimento de crianças de até 6 anos prioridade na agenda dos municípios brasileiros. Em Timon, a ação visa pensar e avaliar as condições sociais, educacionais e de saúde que são oferecidas aos bebês que nascem, e a partir dessa avaliação melhorar os serviços, investindo na primeira infância, assegurando o direito à proteção, saúde e a educação de qualidade e assim promover a redução das desigualdades.